Saúde e bem-estar

Saiba como um detector de incêndio pode salvar a sua vida

O detector de incêndio é um equipamento essencial para qualquer habitação. Um incêndio que se inicia sem ser percebido pode ser fatal.
25 de fevereiro de 2020
Homem instalando um protetor de incêndio em uma casa

Segundo os dados da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), apenas em 2017, Portugal registou 5.393 incêndios habitacionais, dos quais resultaram 27 fatalidades e mais de 600 feridos.

Muitos desses acidentes poderiam ter sido evitados, se essas habitações estivessem equipadas com detectores de incêndio.

O que é um detector de incêndio?

Um detector de incêndio é um dispositivo que, sem necessidade de intervenção humana, tem capacidade para detectar precocemente a ocorrência de um incêndio.

Como funciona um detector de incêndio?

O detector possui sensores (físicos ou químicos) que detectam os sinais de fogo (temperatura, fumo ou chamas). Os mais comuns são os sensores de fumo, por isso são conhecidos também como detectores de fumo.

Quando é detectado um sinal de fogo, o detector emite um alarme de alta intensidade (capaz de acordar mesmo quem estiver em sono profundo) para alertar a todos que devem proceder à imediata evacuação do local.

Preciso de um detector?

Um detector pode salvar a sua vida, principalmente se estiver a dormir. Muitas pessoas esquecem-se de que os incêndios podem ter início durante a noite, resultado de um curto-circuito ou de um aquecedor com problemas de funcionamento, por exemplo.

Os incêndios noturnos são os mais perigosos. Pelo fato das pessoas estarem a dormir, os moradores perdem o precioso tempo de reação e podem acabar por perceber o incêndio quando o mesmo já tiver atingido grandes proporções, aumentando significativamente o risco de acidentes.

Mesmo durante o dia, o detector pode alertar um morador desatento que foi à casa de banho e deixou o fogão ligado, por exemplo. São inúmeras as situações em que um detector pode salvar a vida da sua família.

Se você tem um bebé em casa, deve tomar ainda mais cuidado, pois, além de não possuírem capacidade para perceber ou escapar de um incêndio sozinhos, os pulmões dos bebés são extremamente sensíveis e podem sofrer com a inalação de fumo em acidentes desse tipo.

Um detector de incêndio pode também salvar a sua casa, pois eles são capazes até mesmo de alertar um vizinho (os alarmes são bastante altos) sobre um fogo que se iniciou em sua habitação quando não havia ninguém em casa. Quanto mais rápido os bombeiros forem chamados, maior é a chance da sua casa não ser destruída pelo fogo.

Bateria com longa duração

Muitas pessoas se preocupam com a necessidade de substituição das baterias mas hoje a maioria dos detectores existentes no mercado são equipados com bateria de lítio que possuem autonomia de 5 ou 10 anos.

Quanto custam os detectores de fumo e onde posso comprar?

A boa notícia é que os detectores de fumo não custam muito. É possível conseguir detectores de excelente qualidade por menos de 20€, que oferecem 10 anos de proteção contínua, 24 horas por dia. Você pode comprá-los na internet, como na Amazon, mas também em lojas de bricolage e construção.

Acha que nosso post pode ajudar mais alguém? Partilhe!
Link copiado